A MULA SEM CABEÇA

rVenâncio voltava tarde do arraial do Rio das Mortes e estava quase a entrar na cidade quando ouviu, não longe, relinchos de alimária. Por uma natural associação de idéias, pensou, incrédulo, nas mulas sem cabeça que - dizia-se - às sextas-feiras da quaresma, depois da meia-noite, erravam pelas encruzilhadas, deitando fogo e atacando os que encontravam em seu trajeto.,......

<< Voltar a página lendas

Veja mais em "São João del-Rei On-line"

 



Veja mais em "São João del-Rei On-line"